Não erre na hora de comprar roupas!

Durante esses seis meses aprendi muito sobre quais roupas são mais adequadas para o bebê, quais foram as menos usadas, mais e menos confortáveis, quais são fáceis de vestir e outras dicas importantes para não perder dinheiro!

A Alice tem dois primos que passaram suas roupas para ela, A Letícia de um ano e três meses de diferença, e outro, chamado Miguel de três anos de diferença. Graças a eles, quase não precisei comprar roupas, devo ter comprado no máximo sete peças. Também minha filha ganhou roupas de presentes, então, se você quiser, pode esperar e ver se ganha roupas de conhecidos com filhos pequenos e depois decide comprar o que faltar.

Mas para uma boa escolha de roupinhas, vai algumas dicas importantes para não gastar dinheiro à toa.

  • Apesar da Alice ter muita roupa nova, sempre acho que as mais velhinhas e surradas são mais confortáveis;

A Alice usa muito as roupas de algodão bem macias para dormir e passar o dia em casa. Quando eu sei que, no dia seguinte, vai passear, ela dorme com uma roupa melhor para o dia seguinte;

  • Se o seu bebê tem coxinhas gordinhas, algumas roupas, principalmente bodys, vão ficar apertados na coxa;

A Alice ganhou alguns bodys que são até de um tamanho maior do que ela usa hoje, mas não visto ela porque aperta as coxinhas (quer dizer, coxonas) dela. Ninguém merece dormir ou ficar sentado com uma roupa te prendendo a circulação sanguínea. Na hora de comprar verifique o tamanho do buraco das roupas, isso vale para o buraco da cabeça e bracinhos.

  • Alguns tecidos são mais macios e quentinhos;

Todo tecido que tenha mais algodão do que algo sintético é melhor! Se eu pudesse usaria pijama o dia todo e até para sair. A Alice ainda pode sair com roupinhas que parecem de dormir e garanto assim, o conforto dela nos passeios.

  • Algumas roupas ficam mais esgarçadas na gola, deixando o bebê mais desprotegido do frio;

Na hora de comprar a roupinha, veja se a gola da roupa é muito mole a ponto de se você fechar os botões embaixo, do tipo body, não vá puxá-la para baixo também mostrando parto do peito.

  • Tem meias que saem do pé sozinhos;

Minha dica de meia é, compre um que não seja apertado a ponto de marcar a pele do bebê com o elástico, mas não tão largo a ponto de sair do pé.

A Alice tem muitas meias que ganhou da priminha e a maioria sai do pezinho; passo a madrugada colocando as meias no pé dela ou, quando está em um passeio, também acaba saindo direto.

  • Tem calças que são compridas nas pernas, mas rasos na bunda.

A Alice está com seis meses e já usa calças de nove meses. Geralmente as calças para bebês mais velhos mudam o tamanho do comprimento das pernas e pouco no tamanho de onde fica o quadril. Quando ela está usando uma calça para a idade dela, ao se sentar, a parte das pernas, sobe um pouco para as canelas.

Roupas de bebê para hora de dormir…

A Alice de um tempo para cá, está indo dormir mais cedo. Por volta das 21:30pm e acordando para mamar por volta das 3:00am. Quando vejo que a fralda está muito cheia resolvo trocar. Tento mexer nela menos possível para não despertar. Quando ela está usando roupas com botões complicados, calças com os tornozelos apertados levo mais tempo para manuseá-la e mais tempo para ela voltar pra cama e dormir. Você vai lembrar de mim um dia, quando acontecer com você! Uma solução foi usar peças separadas como calça e camiseta, então, só puxo a calça e já tenho acesso a fralda.

Por esta razão, mesmo que você escolha um body bonito para usar no dia seguinte, coloque uma calça bem confortável e quentinha no seu bebê dormir, no dia, você troca!

Em resumo:

Compre roupas macias, confortáveis, fáceis de vestir (principalmente os que você for levar na maternidade), que não aperte a barriga, que a gola não fique esgarçada, com as saídas para os membros do tamanho certo.

Outras dicas:

  • Menos roupa é melhor que muita! Tente agasalhar menos possível seu bebê e ele vai ficar menos doente;
  • Geralmente a hora de vestir é depois de um banho, para facilitar, sempre deixe já desabotoada a roupa na hora da escolha.
  • Se o seu bebê ou criança acorda de madrugada suado, cuidado para não pegar friagem com a roupa molhada – não deixe de colocar uma roupa sequinha novamente!
  • As vezes é bom deixar a criança dormir sem a calça. Alguma vez já fez isso? É uma delícia sentir o cobertor na pele.
  • Em um tempo fresco use um body de manga comprida e um colete para esquentar o peito. Por isso, invista em coletes!

 

 

 

 

 

 

Loja Lá Vem Bebê

Logo Lá Vem Bebê