cursos para gestantes

Já ouviu falar em cursos para gestantes?

Com a chegada do teste de gravidez positivo, várias emoções podem surgir e, com elas, o receio de não saber o que vem pela frente. Como forma de preparar os futuros papais para a vinda do mais novo integrante da família, alguns cursos para gestantes são as opções disponíveis. 

Como forma de lidar com a novidade da espera de um bebê da melhor forma possível, existem cursos que ajudam os pais a se desenvolverem para essa nova fase. Para tornar esse momento ainda mais especial e encantador, por meio dos cursos para gestante, é possível se conectar mais com o bebê já dentro da barriga, além de saber conduzir a situação sobre os primeiros preparativos.

De modo geral, os cursos para gestantes são muito informativos, pois se tratam de um encontro em que profissionais de diversas áreas ensinam meios de como lidar com a gravidez, com a chegada do primeiro filho, como se preparar para isso e como serão os dias daí para frente. 

Ao longo do artigo, separamos alguns tópicos que devem ser levados em conta ao pesquisar sobre curso para gestantes. Boa leitura!

Cursos para gestantes oferecidos por maternidades

Algumas maternidades oferecem cursos para gestante para preparar a futura mamãe e o futuro papai a embarcar nesse novo mundo.

Ainda, se desejar, verifique se a maternidade que escolheu oferece essa opção. As maternidades de alto renome em São Paulo, como a Maternidade Santa Joana, Pro Matre e  Albert Einstein  são alguns exemplos que oferecem esse curso.

Como estamos vivendo um ano atípico, cheio de instabilidades, várias plataformas estão disponibilizando cursos para gestante on-line. A seguir, listamos algumas delas, bem como instituições e maternidade que fornecem esse tipo de curso:

Curso para gestante On-line Santa Joana:

Esse curso é desenvolvido por diversos vídeos por diversos profissionais de confiança que passam informações de forma fácil de entender e bem didático. Além disso, eles disponibilizam um quiz de quais são as principais dúvidas, as que geralmente mais perguntam, sobre este meio.

Vale ressaltar que o curso é inteiramente gratuito, disponível para todos os públicos. Basta ser acessado por um aparelho que funcione a internet.

Entre os temas dos vídeos, estão:

  • Amamentação
  • Entenda a anestesia e a analgesia do parto
  •  Pele, cabelo e unha: as mudanças da gestação
  • Os benefícios da massagem Shantala
  • Pré-natal e planejamento gestacional
  • Cuidados no pós-parto
  • Alterações de postura na gestação
  • Os tipos de prematuridade
  • Alterações de humor na gestação
  • Cuidados no pré natal
  • Vacinas e primeiros exames do bebê

Dúvidas recorrentes

E o quiz de perguntas frequentes é separado por tópicos:

Amamentação

É normal o bebê só querer mamar em um dos seios? É normal o bebê só querer mamar em um dos seios? “Isso pode acontecer por vários motivos: o recém-nascido está com dificuldade na pega do seio; já está satisfeito; tem a sensação de que determinado seio produz mais leite. A mãe não deve acostumar o bebê a mamar em apenas um dos seios, insistindo para que ele pegue o outro. Se for difícil, deve ordenhar o seio que ele rejeitou e oferecer o leite a ele em um copinho ou em uma colher, até que ele volte a pegar aquela mama”.

O tamanho do seio influencia a amamentação? “Não, isso é apenas mito. Seios volumosos, em geral, têm apenas mais gordura e, para amamentar, uma mulher não precisa de mais gordura nas mamas. Mulheres com mamas pequenas, ao longo da gestação, observam o crescimento de seus seios, que se preparam para a amamentação após o parto”.

Pode-se usar protetor de silicone para amamentar? “Esse tipo de recurso só deve ser utilizado em último caso. Normalmente, o bico do seio fica machucado pela pega incorreta do bico do seio pelo bebê. O ideal é pedir orientação na própria maternidade, antes da alta, para já sair do hospital com o bebê mamando corretamente. Se o problema aparecer quando já estiver em casa, depois da alta, procure orientação com o pediatra ou retorne à maternidade para evitar que o seio fique machucado e que a amamentação seja interrompida. O bebê que mama muito tempo com o protetor pode se acostumar e não pegar o seio sem ele depois. Além disso, o fluxo de leite tende a diminuir pela falta de estímulo do bico do seio pelo contato da língua do bebê”.

Anestesia

Quais são as diferenças entre as anestesias peridural e raquidiana? “Basicamente, a diferença entre as duas está na quantidade de anestésicos e na ação da droga. Enquanto a raquidiana (conhecida como raqui) usa uma quantidade menor de anestésico, a peridural contém maior quantidade. A raqui é dada de uma só vez, já a peridural é administrada continuamente, por meio de um cateter. Em geral, a raqui é utilizada nas cesarianas e a peridural, nos partos normais, que costumam ser mais longo”.

O que é a anestesia combinada? “É a utilização das duas anestesias, de forma combinada, ministrando a peridural junto com uma pequena dose de raqui. Os benefícios são a ação rápida da raqui, promovendo alívio da dor, e a ação prolongada da peridural. Esse tipo de conduta é conhecido como duplo bloqueio”.

Dermatologia

Gravidez piora a celulite? “Pode piorar, sim, pela ação dos hormônios, mas é possível combater o problema, principalmente com atenção no ganho de peso (não ultrapassar o que seu obstetra indicar), fazer exercícios físicos indicados para gestantes, manter uma alimentação balanceada e rica em fibras e, se possível, adotar a drenagem linfática uma vez por semana”.

É possível evitar estrias? “Sim, principalmente com o uso de hidratantes que contenham vitamina E, além de atentar para o ganho de peso ideal, beber muita água, manter uma alimentação equilibrada, baseada em cereais integrais, frutas, verduras, carnes magras, leites e derivados”.

Massagem

O que é a Shantala? “É um método de massagem muito antigo, utilizado pelas mães de bebês na Índia, e introduzido no Ocidente pelo médico francês Frédérick Leboyer. Em viagem pelo país do Oriente, ele observou uma mãe que massageava seu filho todos os dias e se interessou pelos benefícios dessa prática. Pelo toque das mãos da mãe – e do pai – com o corpo do bebê, reforça-se o vínculo entre os pais e o filho, transmitindo contato, amor e carinho. Pode ser iniciada quando o bebê entra no segundo mês de vida”.

Medicina fetal e Gestação de risco

Quais as chances de um aborto espontâneo? “Estatisticamente, quase 20% das gestações não chegam até o fim, sendo interrompidas por abortos espontâneos.

Essas são apenas algumas das perguntas apresentadas no site! Vale a pena verificar as restantes.

Curso de Gestante Online Maternidade Pro Matre:

O curso consiste na disponibilização de um e-book, com duração de quatro horas. O e-book é dividido em módulos e o valor do investimento é de R$190,00. Vale lembrar que qualquer pessoa pode comprar o curso, não apenas aquelas que escolheram essa maternidade para ganhar o bebê.

Módulo I: Preparo Para O Parto

Módulo II: Primeiros Cuidados Do Bebê Ao Nascer

Módulo III: Amamentação

Módulo IV: Cuidados De Higiene Do Bebê Em Casa

Curso para gestante do Hospital e Maternidade Sepaco:

O curso consiste em eventos e lives gratuitas. Basta se inscrever. É aberto à todos os públicos.

Os eventos consistem em diversos temas específicos, como primeiros cuidados com o bebê, mamãe bebê, e até visita virtual da maternidade (se essa for a sua escolha).

Curso para gestante Hospital Israelita Albert Einstein

O Curso de Gestantes da Maternidade Einstein oferece informações sobre o trabalho de parto e o parto, preparando a futura mamãe para esse importante momento. As aulas online abordam temas como as mudanças que ocorrem durante a gravidez, parto e pós-parto, os sintomas mais frequentes que acompanham a gestação, a melhor maneira de lidar com eles, cuidados com o recém-nascido e os cuidados com a amamentação. 

 O curso é disponibilizado de forma gratuita, basta fazer seu cadastro no site do hospital. Trata-se de vídeos e slides com uma explicação didática e compreensível.

Cursos para gestantes fornecidos por empresas

Até empresas oferecem cursos para gestantes, como o “bebê a bordo”, fornecido pelo Itaú. Esse curso, por exemplo, dura um dia inteiro, cheio de palestras com obstetras, pediatras, nutricionistas, psicólogos, etc. Todos eles são profissionais extremamente competentes e atuam nesse meio há vários anos, portanto o curso se trata de uma fonte de informações seguras. 

Esse curso é gratuito e está disponível para todos os empregados do Itaú (papais e mamães). Vale a pena conferir se o local em que você trabalha também oferece cursos para gestantes, bem como se estendem a licença paternidade para 20 dias.  

Para concluir…

De modo geral, existem diversos cursos para gestantes gratuitos disponíveis para a futura mamãe acessar de sua casa. Uma boa ideia é aproveitar a quarentena para maratonar os cursos para gestantes e virar expert no assunto. Sabemos que a ansiedade está a mil, e quanto mais informações forem captadas, mais tranquilidade é passada. 

Uma ideia é convidar o futuro papai para se adentrar nessa aventura, afinal ele ficar do seu lado nesse momento especial é muito acolhedor.

Para se manter atualizado com informações sobre o universo da maternidade, não deixe de nos seguir no Instagram. Esperamos você por lá!