gestante on-line

Gestante on-line: conheça aplicativos e grupos para se conectar virtualmente

É normal que as gravidinhas de plantão tenham várias dúvidas sobre a sua gravidez. Afinal, quem nunca deu uma pesquisada na internet para entender algum sintoma ou acompanhar as fases de seu bebê? A tecnologia está aí como um instrumento facilitador para que alguns conhecimentos cheguem às mamães, por meio de aplicativos e grupos de apoio. De modo positivo, as plataformas despertam funções que podem fazer toda a diferença durante essa fase tão incrível, além de trazer uma magia extra. Podemos dizer que a gestante on-line é a nova tendência da mãe conectada e por dentro da sua gestação.

Existem aplicativos e sites que fornecem inúmeras informações sobre o desenvolvimento do bebê. Além disso, alguns deles contêm grupos de apoio à gestante, de modo a informá-la sobre às fases do seu período gestacional e proporcionar uma interação com outras mamães. 

Dessa forma, para as mamães entrarem com mais entusiasmo na tão esperada fase da maternidade, listamos alguns aplicativos e grupos para à gestante online se conectar virtualmente. Ademais, dedicamos um tópico às novas mudanças na vida de uma mulher gestante. Boa leitura!

Troca de experiências: grupos de apoio

A troca experiencias durante a gestação pode, realmente, ser muito intensa e colaborativa. Por meio de uma rede de apoio, uma mãe sem suporte algum, por exemplo, pode ficar mais tranquila quanto às dúvidas que possam surgir durante e até depois da gravidez.

Saber se uma mamãe já passou por determinada situação durante a gestação faz com que quem esteja com os mesmos sintomas, se identifique e possa saber como proceder, como se comportar ou até comparar como foi a atuação do médico quanto ao ocorrido.

Muitas mamães se comparam, querem saber o peso do bebê de outras mamães na mesma idade gestacional (contada em semanas) e acabam tomando como parâmetro isso. De maneira alguma, essa questão deva substituir o que o médico tem a dizer sobre a gestação, até porque cada mãe é uma mãe e cada bebê é um bebê. 

Ou seja, o que importa, no final das contas, é o que o médico indica e prescreve para a mãe pois cada caso é particular da mãe e do neném. Tudo pode interferir na gestação e no bebê: idade da mãe, peso que engravidou, se a mãe tem alguma doença, se é gravidez de risco ou não, entre outros. Todos esses fatores devem ser analisados pelo médico, de modo a diagnosticar a mãe da forma correta. Dessa forma, é importante não se deixar levar por influências, achismos e experiências da internet.

Hoje em dia, as mamães e futuras mamães podem contar com uma série de aplicativos, redes sociais, e sites na web de gravidez para auxiliá-las nesse período, afinal, são 9 meses de uma baita mudança.

Entendimento das mudanças

O corpo da mulher se transforma, ele se prepara para a vinda do presente mais lindo que alguém possa receber, o seu filho, seu nenenzinho. Assim, muitas mamães ficam tão ansiosas para as mudanças que nem esperam passar no médico obstetra quando recebem a grande notícia. Elas imediatamente procuram na internet. A internet é a evolução da década, não é? Ela nos salva de tudo e traz diversas informações, de diversas fontes, que faz com que fiquemos menos ou mais ansiosas quando pesquisamos sobre as mudanças em nossos corpos ou como está a evolução do nosso pacotinho de amor.

Para isso, existem diversos sites na internet e aplicativos de celular para informar sobre a gravidez, tanto curiosidades, como lidar com a vinda do bebe, como se preparar emocionalmente para isso, evolução do bebe, diversos grupos de ajuda, grupo de doações, trocas, vendas de itens de bebe, além de grupos de mães de primeira viagem ou mães sem experiência.

Instagram

o Instagram, apesar se ser uma rede social enorme, também pode auxiliar às mamães gestantes de primeira viagem com determinadas páginas no foco materno. Ao se procurar na busca (ícone lupa) por hashtag, mais o número de semanas (#+ weeks + pregnant – por exemplo, uma mamãe com 36 semanas de gestação, ficaria assim: #36weekspregnant), podemos encontrar diversas fotos de gestantes com o barrigão à mostra ou tudo relacionado à chegada do bebê. É bem interessante ver outras mulheres passando pela mesma modificação que o seu corpo ao mesmo tempo, além de ser uma troca de informações incrível. Outras hashtags que podem ser usadas, como: #maternidadereal; #maternando; #gestacao; #gestante; #maedeprimeiraviagem; #instababy; #maedemenina; #maedemenino; #maesolteira; #parto; #meuparto; #partohumanizado; #pregnant; #pregnancy; #maternity, entre outros. 

Ainda, ao se pesquisar na busca (ícone lupa) “gravidez”, existem diversos interessantes sobre o tema! Vale a pena dar uma conferida e, quem sabe, trocar informações com as mamães. Alguns perfis (IGs) criam até grupos no WhatsApp para o canal de comunicação sempre ficar aberto, como uma via de mão dupla, para que possa ocorrer um diálogo bem bacana.

Facebook

Assim como o Instagram, o Facebook possui vários grupos de gestante e de mães. Ao procurar (ícone lupa) por “mãe”, aparecerá uma série de grupos, entre os mais famosos estão: “mãe on-line”; ‘’mundo das gravidinhas on-line”; ‘’papo de mãe (gestante e tentante)”. Também existem grupos de desapego das mães, com utensílios já usados de bebês ou, às vezes, até novos. Vale a pena dar uma conferida!

Baby center: minha gravidez e meu bebê hoje

Esse é um dos aplicativos mais famosos entre as mamães gestantes, pois ele diz se o tamanho do seu bebê. Ele compara o tamanho com vegetais e frutas, por exemplo, está igual ao tamanho de uma cenoura, uma laranja, uma maçã, uma melancia, e assim por diante. Ficou famoso por isso, pelo seu comparativo curioso.

Além disso, o aplicativo fornece informações semanais de como está sendo a evolução do baby, qual tamanho ele está, qual peso ele está, quais órgãos estão sendo formados, se o baby já escuta, se já têm pelos no corpo, entre outras informações.

O aplicativo também dá dicas bem legais sobre: atividades que as mães podem estar fazendo para diminuir a ansiedade, como se preparar para o parto, dicas de alimentação, como conversar com o parceiro etc. São vários temas abordados semanalmente.  

O aplicativo também conta com fóruns e comunidades, que são vários grupos que abordam temas específicos, por exemplo, gravidez de risco. Nesses grupos várias mamães podem conversar entre si e trocar diversas informações.

Outra função do aplicativo é que ele calcula a data prevista para o parto pelo dia da menstruação. Então se você acabou de descobrir que está grávida, e caso não tenha passado por nenhum médico ainda, é possível calcular uma previsão de data para o grande dia.

Após o nascimento do bebê, o aplicativo se torna um guia diário para apoiar os pais no primeiro ano de vida do bebê.

No Brasil, o Baby Center é uma das plataformas mais famosas por pais e mães desde 2008; e no mundo, mais de 400 milhões de pessoas baixaram o aplicativo.

Gravidez +

Outro aplicativo super famoso nesse meio é o Gravidez +. A cada semana, ele mostra a evolução do bebê, com informações diárias. Ele fornece o diário do peso do bebê, diário de visitas ao médico, informações sobre dieta e exercícios, trabalho de parto, contador de chutes, cronômetro de contrações, lista de compras para o bebê, ideias de nomes, e muito mais. Vale muito a pena conhecê-lo também.

Sprout Pregnancy

Esse aplicativo é um dos mais populares no mundo todo. Ele mostra imagens em 3D do bebê conforme a semana da gestação, bem como dicas de médicos e curiosidades sobre esse período. Permite também contar contrações, fazer contagem regressiva para o grande dia e criar uma lista de coisas para a gestante se preparar para a ida à maternidade.

Contador de Contrações

Principalmente para as mamães que desejam ter o parto normal, o contador de contrações pode ajudar muito. Ele permite que as contrações sejam contadas e calcula suas durações e seus intervalos. Isso faz com que se saiba qual hora se deve ir ao hospital.

Para concluir…

De modo geral, existem diversos aplicativos que permitem que a gestante se prepare para a vinda do bebê, ao ter conhecimento sobre informações importantes que podem ajudar muito no entendimento desse novo período.

Não se exclui, com o uso deles, as idas ao médico obstetra e a realização dos exames pré-natal. É essencial que tudo seja feito conforme orientação médica. 

A grande maioria dos aplicativos do ramo são gratuitos, porém alguns deles possuem propagandas, que podem se tornar um grande incômodo em algum momento. Ainda assim, esses novos meios de comunicação são ótimos para se obter informações, de modo a ter uma rede de apoio. 

Afinal, mães se ajudando sempre vão mais longe, pois compartilhar experiências é fundamental para entender a normalidade da situação. A gestante on-line é aquela que está por dentro do universo da maternidade, que sabe o que acontece com o seu corpo e acompanha o desenvolvimento do seu bebê. Além disso, é aquela grávida que gosta de pesquisar e trocar informações com outras futuras mamães.

Agora que você já sabe sobre os principais aplicativos e grupos para se conectar virtualmente, chegou a sua vez de se tornar uma gestante on-line. Entre em grupos e experimente aplicativos!

Para se manter atualizado com informações sobre o universo da maternidade, não deixe de nos seguir no Instagram. Esperamos você por lá!