5 dicas antes de viajar com seu filho recém-nascido

Sim: existe viagem após o parto! Viajar com bebês de até um ano é muito mais descomplicado do que com filhos maiores, principalmente após os três meses de vida. Eles não reclamam e acostumam-se facilmente com as mudanças de ambiente. E se sua licença-maternidade está terminando, esse é o melhor período antes de voltar à rotina frenética de trabalho. Lá Vem Bebê dá as principais dicas para planejar sua viagem com seu filho recém-nascido:

1. A primeira coisa é consultar o pediatra e verificar se todas as vacinas do bebê estão em dia. A maioria dos médicos orienta que os pequenos tenham pelo menos um mês de vida. Se a viagem for para o exterior, é imprescindível contratar um seguro saúde temporário.

2. Além de realizar uma boa pesquisa e conversar com outras mães que tiveram essa experiência, escolha o destino pensando que irá levar seu pequeno a tiracolo o tempo todo. Cidades históricas, locais próximos a natureza, destinos tranquilos (longe de multidões) são uma excelente pedida no exterior ou no Brasil! Entretanto, também é possível visitar cidades maiores como Buenos Aires (Argentina), Paris (França), Nova York (EUA) ou São Paulo (BR) – museus são roteiros certeiros. No Brasil, a procura dos pais tem sido maior para destinos child-friendlycom resorts, onde é possível encontrar toda uma infraestrutura familiar e, muitas vezes, baby sitters. Na hora de escolher a hospedagem, a dica são hotéis ou apart-hotéis que tenham pequenas cozinhas, pias ou, pelo menos, micro-ondas e frigobar. A onda do momento é alugar apartamentos inteiros em sites especializados, onde a transação é feita inteiramente antes de viajar. O mais conhecido é o Airbnb (www.airbnb.com.br).

Já parou para pensar onde deixar seu recém-nascido no retorno da licença-maternidade? Veja as dicas do post https://lavembebe.com.br/blog/licenca-maternidade-bercario-baba/

3. Para o deslocamento dentro do Brasil por ônibus ou avião, é necessário apresentar a certidão de nascimento ou RG. Nos outros países a apresentação do passaporte é primordial. Veja mais no site da Polícia Federal: http://www.pf.gov.br/servicos-pf/passaporte/documentacao-necessaria/documentacao-para-passaporte-comum/documentacao-para-menores-de-18-anos.  

Patrícia Papp, diretora de arte, orienta em seu livro “Como viajar com seus filhos sem enlouquecer” comprar voos diretos sem escalas – mesmo sendo, muitas vezes, um pouco mais caro, torna a viagem menos cansativa. A autora ainda aconselha a comprar as passagens com antecedência e escolher as poltronas. É aconselhável usar a mesma regra para trens, ônibus e navios. Já o carro, por sua vez, possibilita maior liberdade e conforto.

4. Itens essenciais que não podem de jeito nenhum faltar na mala de mão do bebê:

Higiene: lenço de papel, fralda descartável, lenço umedecido, pomada antiassadura, sabonete líquido, sacos plásticos, toalha e (pelo menos) duas trocas de roupa.

Alimentação: mamadeira, copinho, colher, pratinho, babador, água e fórmula (leite).

Remédios: antitérmico, antigases, soro fisiológico e termômetro.

Outros: chupeta extra, manta, chapéu, repelente, filtro solar, dois ou três brinquedos (mordedor e chocalho), carrinho canguru (sling) e carrinho (há lugares que alugam).

Está com sintomas de depressão pós-parto? Leia dicas de como amenizar: https://lavembebe.com.br/blog/depressao-pos-parto/

5. A última dica (mas não menos importante): a mãe precisa estar com a saúde física e emocional equilibradas. Os bebês exigem atenção permanente: mamam dia e noite (o desgaste é maior quando é oferecido o leite materno), são trocas de fralda frequentes e muito sono interrompido. Além disso, é muito comum hoje em dia a mulher viajar sozinha com seus filhos. Dessa forma, é importante que ela esteja bem consigo mesma também. Vale a pena uma consulta ao médico antes de pegar a estrada!

Museus recomendados para visitar com crianças:

  • Museu Oscar Niemeyer (em Curitiba, Paraná);
  • Museu da Língua Portuguesa (em São Paulo);
  • Inhotim (em Brumadinho, Minas Gerais);
  • Museu de História Natural (em Nova York);
  • Smithsonian Museum (em Washington DC);
  • Museu de Los Niños (em Buenos Aires);
  • Museu de Cera Madame Tussauds (em Londres, Berlim, Amsterdam, Xangai, Las Vegas, Nova York, Wahington);
  • Cite des Sciences et de l’Industrie (em Paris);
  • Natural History Museum (em Londres);
  • Science Museum (em Londres);
  • Royal British Museum (no Canadá);
  • Miami Children’s Museum (em Miami);
  • Getty Museum (em Los Angeles).