gravidez saudável

10 passos para uma gravidez saudável

Nesse post você irá ler sobre:

  • 10 passos simples para uma gravidez mais saudável
  • A importância de mudar alguns hábitos durante a gestação

Alimentar-se bem, descansar, fazer o pré-natal corretamente, tudo isso envolve uma gravidez saudável tanto para o bebê quanto para a mãe. Veja as dicas para fazer os 9 meses passarem tranquilamente.

1. Faça atividade física regularmente

Força, resistência, equilíbrio e preparação para o parto. Esses são alguns dos benefícios que fazer atividades físicas regularmente durante a gravidez trazem.

Se você já praticava atividade física antes de engravidar, provavelmente poderá manter o mesmo ritmo. Se não, é necessário conversar com seu médico e treinador para montar uma rotina de exercícios. Os mais indicados são os de menor impacto, como caminhada, hidroginástica, natação, ioga.

natação durante a gravidez

Veja também:


2. Alimente-se bem

Gravidez não é sinônimo de que pode comer tudo e em grande quantidade. Pera lá! O mais importante na alimentação da gestante é levar nutrientes para o desenvolvimento do bebê. Dessa forma, uma alimentação saudável e balanceada é fundamental.

Para a dieta, o ideal é que inclua verduras, legumes e frutas, carboidratos integrais, proteína animal, que pode ser do peixe, carne, frango e ovos, e as proteínas vegetais, de castanhas ou sementes, e também leite e laticínios em geral.

alimentação balanceada para gestante

3. Faça o pré-natal

O pré-natal é fundamental para a saúde do bebê e da mamãe, pois é durante essas consultas e exames que pode-se acompanhar a evolução da gestação.

Quanto antes começar, melhor! Assim que souber que está grávida procure seu ginecologista.

4. Não fume ou consuma bebidas alcoólicas

O consumo de cigarro e álcool podem acarretar em uma série de problemas para o bebê. O cigarro proporciona maior de aborto espontâneo, de parto prematuro e de ter um bebê de baixo peso.

O consumo de álcool pode provocar doenças da síndrome alcoólica fetal, pois o líquido chega rapidamente ao bebê pela placenta. Essas doenças causam dificuldades de aprendizagem e problemas congênitos graves.

gestante fumar é proibido

5. Descanse bem

Dormir bem é fundamental na gravidez. O primeiro trimestre é marcado por muita sonolência, e significa que seu corpo está pedindo repouso para se adaptar às mudanças que o feto está trazendo.

O ideal é dormir uma boa noite de sono e repousar após o almoço, mesmo que por 30 minutos colocando as pernas para cima e dando um tempinho para seu corpo retomar as energias.

gestante dormindo

6. Não se automedique

A automedicação é perigosa para a mãe e o bebê, já que alguns remédios podem fazer mal. Converse com seu médico sobre qualquer sintoma e ele te dirá o que é preciso fazer.

Se você fazia uso de algum medicamento contínuo antes de engravidar, conte para o seu médico e verifique como deve proceder.

automedicação de grávida não é indicado

7. Cuidado com o salto alto

O centro de gravidade da grávida muda devido ao crescimento da barriga, o que acaba dificultando os movimentos. Dessa forma, já fica difícil se equilibrar sem o salto, imagine com ele! Use sapatilhas, chinelos e sapatos com até 4cm de salto.

gestante de salto alto

8. Reduza o café

Se você ama café terá um problema durante a gravidez, pois seu consumo deverá ser reduzido.

A cafeína pode causar problemas na gravidez, atingindo principalmente o feto. Portanto, café, chá e os refrigerantes à base de cola devem ser evitados. A quantidade indicada como aceitável é de até 3 cafés pequenos por dia.

café na gravidez, reduza o consumo

9. Tome ácido fólico

O ácido fólico é um componente fundamental na gestação. É ele que irá ajudar a prevenir problemas congênitos do feto e ajuda na formação do tubo neural e na espinha bífida.

Antes mesmo de engravidar, é fundamental tomar suplementação de ácido fólico diariamente, com pelo menos 400 mcg/dia.

ácido fólico na gravidez

10. Não faça química no cabelo durante a gravidez

As mudanças hormonais que acontecem na gestação refletem nos cabelos da mãe. Algumas sentem que o cabelo perde o brilho e a força, outras sentem aumento da oleosidade. Mas tratamentos químicos devem ser evitados nesta fase. Tinturas, alisamentos e qualquer outro procedimento que use produtos químicos não devem ser feitos.

química no cabelo durante a gravidez

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loja Lá Vem Bebê

Logo Lá Vem Bebê